Gêmeas siamesas são separadas com sucesso após 22 horas de cirurgia

Em entrevista ao programa “Today Show”, a mãe das meninas, Laurilin Celadilla Marte, de 24 anos, disse que a separação era um sonho. “Eu rezava e sonhava que isso iria acontecer”, disse. Esse foi o primeiro procedimento do tipo realizado no hospital Maria Fareri Children’s Hospital, em Nova York.

O cirurgião pediátrico Whitney McBride contou que alguns dos trabalhos cirúrgicos foram realizados utilizando técnicas laparoscópicas, o que deu aos cirurgiões uma imagem mais clara de como o aparelho digestivo estava unido antes da cirurgia. Os médicos também usaram modelos 3D da coluna das meninas para treinar para a cirurgia. Após o procedimento ser realizado com sucesso, as equipes médicas aplaudiram o trabalho. “Foi uma sensação esmagadora que eu não acho que qualquer um de nós vai experimentar novamente”, disse um dos médicos.

 



Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial-SemDerivações 4.0 Internacional

.