Netinho diz que médico que aplicou anabolizante entrou na Justiça contra ele

O cantor Netinho voltou a falar do tempo em que ficou afastado por conta do efeito de uso de anabolizantes por 2 anos. Prestes a lançar um livro narrando essa trajetória, o baiano disse que o atraso na publicação é por culpa do médico que aplicou a substância. Em um post do Instagram, divulgado nesta sexta-feira (19), ele disse que o oftalmologista entrou na Justiça para impedir os relatos. “Colocou uma liminar judicial contra mim no ano passado, pedindo à Justiça para me proibir falar dele publicamente e para me fazer retirar das minhas redes sociais o que eu havia escrito sobre ele o seu tratamento comigo. Precisei parar com a edição do livro e com o treinamento da palestra”, explicou. Em seguida, disse que essa história revela “um crime a saúde pública e contra a sociedade”. Confira: 

O QUE TODOS ME PERGUNTAM. #netinho #averdade #crime #saudepublica #interessedasociedade #crm #cremesp #cremerj #ministeriodasaude #crimecontraasociedade #codigodeeticamedica #juramentodehipocrates #medicinaetica #casodepolicia #casodejustica #sociedadeemrisco #anabolizantes #ganancia

A post shared by Netinho (@netinhooficialbrasileiro) on



Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial-SemDerivações 4.0 Internacional

.