Ouvindo Agora: GABRIELA FM - SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

O Rappa faz último show em Salvador ao lado da BaianaSystem

Depois de dois últimos shows na cidade, O Rappa faz sua despedida definitiva de Salvador hoje, na Arena Fonte Nova. A banda já havia passado pela cidade em setembro, quando fez um show ao lado da Nação Zumbi, no Wet’N Wild, e em dezembro, na mesma Arena Fonte Nova, durante o Festival de Verão. Logo mais, também se apresentam no evento BaianaSystem e  Attooxxa, revelações da música baiana. “Com certeza, esse é o último show d’O Rappa aí. A última data da nossa agenda é dia 14 de abril, no Rio de Janeiro”, afirma o guitarrista Xandão.

Antes, passam por Recife, em um show que unirá BaianaSystem e Nação Zumbi, no dia 6 de abril. Para Xandão, o motivo do término das atividades do grupo acaba sendo o mesmo do afastamento que aconteceu entre 2009 e 2011. “O motivo acaba sendo praticamente o mesmo, o desgaste das pessoas. Em uma história de 25 anos, chega um momento que existem desgastes, diferenças de pensamento. Não existe briga nenhuma, o que mostra maturidade, mas chega o momento em que a gente busca estar perto de pessoas com maior afinidade e a vida segue”, comenta.

Para a BaianaSystem, o show de logo mais também promete ser inesquecível. “Nossa expectativa é a melhor possível! Iremos fazer três shows de despedida deles (Salvador, Fortaleza e Recife) e esse é nosso primeiro show aqui depois do Carnaval”, destaca o também guitarrista Robertinho Barreto. Para ele, “O Rappa é uma referencia para toda uma geração pelo seu som, suas letras, seus shows”. “A influência de reggae e dub no som deles é algo que também nos aproxima e poder tocar em Salvador, na Fonte Nova, com um público aguardando esse encontro, só aumenta nossa responsabilidade para podermos realmente celebrar isso com música e o reencontro com o público”, diz.

Se no repertório d’O Rappa há faixas que sempre estão lá, como Me Deixa, Pescador de Ilusões e Lado A, Lado B, o da BaianaSystem muda bastante. “Temos um esqueleto geral, mas isso se move, de acordo com o público, com dia, com o que acaba acontecendo com as faixas quando começamos a executá-las. O formato inspirado nos SoundSystem traz essa liberdade. Temos bases, temas e ideias que estão ali mas podem mudar e isso tem uma dinâmica muito grande. Às vezes mudamos na hora do show algumas ordens. Isso deixa a coisa mais viva e verdadeira. Na verdade o público e as trocas que acontecem durante o show acabam ditando o ritmo e como o repertório vai caminhar”, explica Robertinho.

Representando a nova música pop baiana, com mistura das batidas eletrônicas, do funk e do pagodão, o Attooxxa, comanda a abertura da noite. Idealizada por Rafa Dias, a banda conta ainda com Oz (vocal), Raoni Knalha (vocal) e Chibatinha (guitarrista). No show, o repertório do álbum #Blvckbvng, cuja faixa mais conhecida é Elas Gostam (Popa da Bunda), eleita música do Carnaval.



Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial-SemDerivações 4.0 Internacional

.